Bagé, 18 de maio de 2022 - Jose Walter Lopes Advogados Associados S - contato@josewalterlopesadvogados.com.br - (53) 32411198
INICIO | ARTIGOS | ALBUM | FALE CONOSCO | ADVOGADOS ASSOCIADOS | QUALIFICAÇÕES |
 CANAIS
 :: Administrativo
 :: Advocacia
 :: Artigos Publicados
 :: CORRESPONDÊNCIAS - AVISOS
 :: CORRRETOR
 :: DECISÕES IMPORTANTES
 :: DESCONTRAINDO
 :: ELEIÇÃO 2009
 :: EM DEFESA DA ÉTICA E DA MORAL
 :: Habitacional
 :: Imprensa
 :: Leis - Regulamentos
 :: Notícias em Geral
 :: Novidades Jurídicas
 :: OAB EM AÇÃO
 :: PALESTRAS -
 :: Por que este Blog
 :: Prédios Históricos B
 :: PREPAR PARA
 :: Projetos de Leis
 :: PROVÉRBIOS POPULARES
 :: Reflexões
 ADMINISTRATIVO - 08/01/2011      
ELES ESQUECERAM O NOSSO JEITO DE SER

            Desde as primeiras lembranças que tenho de opiniões emitidas nesta existência, não lembro de ter uma única que não tenha sido em defesa dos princípios morais e éticos, da firma disposição e da permanente e inarredável busca da justiça, tudo por um mundo mais feliz e de mais paz. Penso continuar carregando o mesmo jeito de ser e, naturalmente ,como muitos, com o defeito das tendências bairristas, coisa que talvez seja mais dos gaúchos que ficam puxando a brasa para o seu assado, sem no entanto, que isto possa significar prejuízo para outros.

                                  Por ter essa filosofia de vida, o que entendemos ser obrigação de todas as pessoas de bem, esta semana dois gaúchos bastante conhecidos nos deixaram bastante bastante decepcionado. Primeiro, o Ministro Nelson Jobim, jurista de renome que tanto nos agradou com suas empolgantes e entusiasmantes palestras, quando ainda participávamos dos importantes cursos das Semanas Jurídicas da antiga “FUnBa, segundo o craque Ronaldinho Gaúcho. Àquele pela decepção de ter convidado, ou se prestado para dar palio ao ex-presidente Lula e seus filhos valerem-se de benesses na confortável Base Militar do Min. da Defesa Brasil, ao que não “jus” e, ainda que mascarável, são favores indubitavelmente injustos. Aliás, as pessoas de bem normalmente não aceitam esses escusos favores para não dar o que falar. Este (Ronaldinho), depois de ter deixado o Grêmio em meio a uma confusão que lhe deixou a pecha de mercenário, novamente se presta para uma negociação interminável e confusa, revoltando a nação gremista e o povo em geral, principalmente o da sua própria terra - RS, o que a.n.s. encaminha o craque para um encerramento de carreira muito desagradável, ainda que possa ter um bom tempo de atuação nos campos.
Assim, tanto um como outro, parece terem esquecido os costumes do povo gaúcho (talvez em razão dos tempos que estão fora).
Jobim, que já pensou em ser presidente do Brasil (e eu até pensei em honrá-lo como o meu voto), que não faça mais fiasco e não nos envergonhe e Ronaldinho, que fique de vez lá pelos morros do Rio de Janeiro fazendo festas e jogando pouco com seus parceiros de festas e que Deus lhes de sáude para viverem bastante e poderem reconhecer os erros cometidos.  Ao outro citado neste texto só nos resta desejá-lo que Deus o acompanhe, pois nem uma surpresa, já que sempre viveu de favores, bem ou mal havidos. JW

A caricatura do Ronaldinho é cópia da internet.

 

 Informativo
Cadastre-se e receba nosso informativo.
 Nome:
 
 Email:
 
  
 Links Úteis
Copyrigth @ 2006-2009 // Desenvolvido por Network Sistemas
Rua Hipólito Ribeiro 251 E / 99760286 / 96400-431
Bagé - RS / Tel. (53) 99760286
Contador de visitas